Ju Marconato acredita que a dança tem poder de cura e a utiliza como filosofia de vida, é tradição as alunas ouvirem mensagens inspiradoras em suas aulas.

24/04/2018

É difícil defini-lá em uma só palavra, Ju Marconato é professora de dança do ventre, fisioterapeuta, escritora, bailarina, coreógrafa, palestrante, coach, terapeuta prânica, corporal e holística, e há mais de 24 anos dedica-se a dança do ventre de forma integral e terapêutica. Utiliza a dança como filosofia de vida e acredita em seu poder de cura.

Ela também é proprietária do Núcleo de Dança Ju Marconato, na cidade de Araraquara no interior do Estado de São Paulo e há mais de 17 anos incentiva a dança na cidade, em um espaço onde mulheres resgatam sua autoestima. O trabalho como terapeuta vem paralelo ao da dança do ventre em uma grande sinergia.

Ju.jpg
Ju Marconato – Foto: Reprodução Facebook

Recentemente Ju Marconato lançou um álbum musical, com frases de alto poder de cura, através do “Ho’oponopono”, em parceria com a cantora e compositora Mari Carrili. De acordo com Ju, é um trabalho desenvolvido com intuito de trazer qualidade de vida, bem-estar e desenvolvimento pessoal. O ouvinte encontra canções desenvolvidas e inspiradas na filosofia do amor e cura, estudada e aplicada no Núcleo de Dança Ju Marconato há mais de 16 anos. Para a bailarina, toda doença se instala inicialmente em nosso campo energético ou bioplasmático, só então atinge o corpo. “Através do movimento, meditações e vivências podemos alinhar, alterar nosso estado energético e vibracional, além de ressignificar nossas dores do passado”. Diz Ju.

Além do álbum mais atual, Ju possui outros 10 volumes lançados, que estão em mais de 20 plataformas digitais, com mais de 200 mensagens disponíveis nesta linha de pensamento. “O projeto surgiu da necessidade de estar em vários lugares ao mesmo tempo, de manter uma ligação e palavra amiga com alunas de fora e até para outras professoras de meu Núcleo utilizarem, mantendo uma mesma linha de resgate e busca de saúde mental, física e espiritual. Em meu Núcleo em Araraquara é tradição, todas as aulas ao final se ouve uma mensagem, fato que as alunas amam demais”, completa a terapeuta.

Ju, explica o que é “Ho’oponopono, técnica que oferece uma maneira de liberar energia dos pensamentos dolorosos que causam desequilíbrio e doença. “É uma técnica de cura havaiana que consiste na repetição de quatro palavras que ecoam profundamente em nossas consciências: sinto muito, me perdoe, te amo, sou grata. No CD volume 9 eu solicito as frases chave e palavras, Mari Carrili compôs e cantou as melodias. Nosso carro chefe é “Eu me amo, me perdoo, me aceito e me liberto”. Temos também “Entrego, confio, aceito e agradeço”. Temos uma canção somente com o “Eu amo você”, outra com a “Gratidão”, e uma que especialmente sou apaixonada, um poema que escrevi chamado Eu sou”, completa Ju.

A dança é mesmo um ótimo exercício para o corpo, mente e espírito e não existe apenas como manifestação da arte ou forma de divertimento. Ju Marconato, aplica as técnicas que estudou em suas aulas e vem provando que, com certeza a dança é capaz de produzir reações benéficas para o organismo. “Um lugar onde esquecemos o mundo lá fora, os nossos problemas e voltamos para dentro, sem dar importância para idade, peso e beleza exterior. Deixamos aflorar o que temos de mais belo, deixamos de ser casulo para virar uma borboleta linda”, depoimento da aluna do Núcleo Ju Marconato, Maria Menezes.

Ju2
Ju Marconato – Foto: Reprodução Facebook
Por Renata Santana